4 exercícios que ajudam a reduzir a gordura localizada

emagrecer rápido. Porém, se você, assim como muita gente, acreditava que para se livrar dessas gordurinhas é preciso passar horas e horas na academia repetindo séries de exercícios localizados, está enganado. A verdade é que os exercícios abdominais, por exemplo, têm a função de tonificar a região e não de queimar gordura localizada — eles até queimam, mas numa quantidade tão pequena que seria preciso fazer um número muito grande de repetições, podendo resultar em fadiga muscular e até lesões. Se você quer aprender a reduzir a gordura localizada de uma maneira eficiente e com resultados visíveis, continue a leitura e confira a lista com 4 exercícios para mandar aquela gordurinha embora de vez!

1. Corrida

A corrida é uma excelente aliada na luta contra a gordura localizada e também na hora de definir os músculos da região abdominal, garantindo assim uma barriga “sequinha”. Isso porque essa modalidade, assim como outros exercícios aeróbicos, utiliza a gordura corporal como fonte de energia para a sua realização, contribuindo para a queima de calorias. Esse exercício, além de ajudar a reduzir a gordura localizada, ainda melhora o condicionamento físico, garantindo que você passe a ter mais fôlego durante seus exercícios e atividades do dia a dia, assim melhorando o sistema cardiovascular e contribuindo para maior longevidade. A corrida é capaz de queimar em média 700 calorias em uma hora. Isso, é claro, pode variar de acordo com a frequência e com a intensidade das suas corridas, que podem ser tanto na esteira como ao ar livre.

2. Spinning

As aulas de spinning estão se tornando as queridinhas de quem deseja queimar muitas calorias e reduzir a gordura localizada da região abdominal. Uma aula de spinning, acredite, é capaz de queimar até 600 calorias em apenas 45 minutos de pedaladas! O spinning, assim como a corrida, é uma atividade aeróbica. Isso faz desse exercício uma opção realmente eficaz na luta contra as gordurinhas indesejadas, porque também é uma atividade de alto impacto e recruta a gordura corporal como fonte de energia.

3. Jump

O jump consiste em uma aula onde os alunos executam coreografias com músicas de diversos ritmos em um trampolim. Isso faz com que a aula não apenas proporcione uma alta queima de calorias, mas também seja bem animada! A atividade trabalha várias regiões do corpo, como pernas, panturrilhas e abdômen. Além disso, o jump ainda trabalha a coordenação motora, tornando-a mais eficiente. Por se tratar de uma atividade aeróbica, o jump não deixa apenas o astral mais alto e o corpo mais esbelto, mas também melhora a respiração e fortalece o sistema cardiovascular. E o melhor: numa aula de uma hora de jump é possível queimar de 400 até 700 calorias!

4. Natação

A natação também é uma atividade aeróbica capaz de contribuir bastante na queima de calorias, porém ela tem ainda mais uma vantagem: não promove impacto no corpo, já que a água amortece os movimentos e reforça a musculatura — principalmente do abdômen. Por isso, além de refrescar, sendo uma excelente atividade para o verão, a natação ainda é uma boa opção por não ser uma atividade de alto impacto e não oferecer tantos riscos de lesão. É, inclusive, uma atividade muito recomendada para quem não possui condicionamento físico para correr e fazer outras atividades aeróbicas mais pesadas. A queima de calorias com a natação pode chegar a até 500 por hora. Vale muito a pena! O ideal para reduzir gordura localizada, além da prática de exercícios aeróbicos, é ter também um treino com exercícios específicos, como os abdominais. Além disso, ter uma boa alimentação e buscar acompanhamento profissional especializado garante resultados excelentes! Quer conferir mais dicas? Então siga-nos no FacebookTwitter e Instagram e veja todas as novidades

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.