Beta-alanina: o que é, para que serve, como tomar e mais!

beta-alanina
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Os suplementos estão se tornando cada dia mais indispensáveis na rotina de quem pratica atividades físicas. Podem auxiliar na melhora do desempenho, na resistência e até mesmo na síntese proteica.

Um dos suplementos mais seguros e efetivos da atualidade é a beta-alanina, um aminoácido não essencial que pode ser sintetizado pelo organismo humano e também é encontrado em alimentos como a carne vermelha, o frango e peixes.

Leia nosso blog post a seguir e descubra como esse aminoácido pode turbinar os seus treinos. Confira!

O que é a beta-alanina?

Como já foi dito anteriormente, esse suplemento é composto de um aminoácido que, por si só, não é capaz de sintetizar proteínas. No entanto, ela é capaz de aumentar os níveis de carnosina no sangue, substância que retarda a fatiga e a falha muscular.

Com esse efeito, ela permite que o usuário treine por mais tempo, execute mais repetições e com cargas mais pesadas sem que haja dor ou fatiga, sendo ideal para quem procura a hipertrofia ou realiza exercícios aeróbicos de alta intensidade, como a corrida.

Quais são seus benefícios?

Além do que já foi citado, a beta-alanina tem uma absorção maior no estômago do que outros suplementos, como a própria carnosina. Com isso, sua eficácia é ampliada e são necessárias doses menores para que se tenha o efeito desejado.

Outro ponto positivo é sua capacidade de preservar a massa magra, mesmo após exercícios aeróbicos intensos. Isso a torna ideal para quem procura perder peso sem que haja perda de músculos que normalmente acompanha o processo.

Por fim, vale citar ainda que a beta-alanina tem um preço mais acessível do que outros suplementos que possuem efeito similar.

Qual a sua ação no organismo?

Durante o exercício físico, principalmente os de alta intensidade que promovem o metabolismo anaeróbico, o nível de íons H+ são elevados, provocando a acidose muscular devido a presença de ácido lático.

Esse composto é responsável pela “queima” que você sente durante a atividade física. A beta-alanina reduz a concentração dos íons H+, pois age como solução tampão, fazendo com que os danos musculares sejam reduzidos, o que minimiza a dor dos exercícios.

Além disso, possui ação amplificadora da creatina, segundo um estudo provou que atletas que utilizaram os dois suplementos obtiveram aumento significativo de desempenho e massa magra em relação aos que utilizaram apenas um deles.

Quais são seus efeitos colaterais?

O único efeito colateral relatado devido ao uso desse suplemento é um leve formigamento e coceira, principalmente nos braços e pernas, que deve passar em torno de 20 minutos.

Ainda não foram encontrados efeitos nocivos relacionados à beta-alanina no organismo, no entanto, é recomendável a utilização do suplemento por até 12 semanas, tendo em vista que os estudos a longo prazo ainda não foram concluídos.

Além disso, gestantes e homens que possuam disfunção erétil devem evitar seu consumo.

Como tomar a beta-alanina?

Para maximizar o efeito desse suplemento é preciso realizar um processo de saturação, similar ao da creatina. Para isso, é recomendável a ingestão de 4,0 a 6,0 gramas de beta-alanina por dia durante as quatro primeiras semanas de forma consistente.

Isso causa o saturamento das células e o consequente aumento da carnosina que também auxilia na síntese proteica. A partir da quarta semana, o ideal é consumir de 3,2 a 4,0 gramas por dia, tendo em vista que uma quantidade maior que isso não será absorvida pelo organismo.

Assim como a creatina, não existe um horário ideal para ser tomada, desde que você o faça todos os dias.

Por fim, vale lembrar que, como qualquer outro suplemento, é recomendável que você faça o acompanhamento de um nutricionista, médico ou farmacêutico, para evitar quaisquer riscos à sua saúde.

Ainda está com dúvidas a respeito da beta-alanina? Fale com a gente e descubra como podemos te ajudar!

2 respostas

  1. Excelente texto, sobre um suplemento que ajuda tanto nos treinos e que infelizmente não está presente nos pré treinos das marcas comercializadas no Brasil.

    1. Olá George!
      É verdade, ele não está presente nos produtos industrializados devido a regras da Anvisa. Mas, uma boa alternativa para compra-lo, são as farmácias de manipulação. Se você tem uma de confiança, procure-a. O farmacêutico clínico é capaz de fazer uma boa formulação baseado e sua anamnese.
      Um forte abraço,
      André

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Os 5 Artigos Mais Lidos

Os 5 Artigos Mais Comentados

Receba as Novidades